Início / Geral / Como lidar com o preconceito LGBT

Como lidar com o preconceito LGBT

Todo o ser humano já teve algum preconceito. Embora seja um assunto pouco debatido, existe uma vasta variedade de preconceitos que as pessoas englobam em seu mundo como, por exemplo, julgar uma pessoa sem antes conhecer. Além da variedade de preconceitos, esse assunto contém inúmeras categorias como, racial, social, moral, religioso. Cada um deveria ter a integridade respeitada. Um dos maiores preconceitos nas sociedades está contra a comunidade LGBT, que acaba por ser descriminada chegando até a ser excluída por simples preconceitos sem qualquer fundamento. Saiba como lidar com o preconceito e viver de forma feliz e saudável.

Como lidar com o preconceito LGBT

Como lidar com o preconceito LGBT?

  • Não se deixe afetar – Não deve deixar-se afetar pelo preconceito dos outros. Aja normalmente perante o preconceito, como se nada fosse. Muitas vezes as mentalidades preconceituosas têm como objetivo magoar e afetar os outros. Não deve deixar-se afetar aparentemente e interiormente. Reflita sobre os preconceitos, sobre os erros que os preconceituosos cometem mas não deixe de se sentir bem consigo mesmo.
  • Mostre-se superior ao preconceito – Na sequência do ponto anterior não se sinta inferiorizado pelo preconceito nem se sinta abatido por todos aqueles pensamentos de inferioridade que possa sentir. Reflita sobre as atitudes dos preconceituosos, reflita sobre a sua vida e chegue à conclusão de que os comentários preconceituosos revelam apenas uma falta de consciência e de respeito pelos outros. Seja superior ao preconceito, sempre!
  • Não se reprima – Não deixe de fazer a sua vida, de sair do armário e de passear com o seu parceiro por causa dos comentários e boatos preconceituosos. Viva naturalmente e mostre às mentalidades retrógradas de que um homossexual pode viver em paz e saudável consigo mesmo.
Siga as nossas dicas e consiga lidar com o preconceito para com a comunidade LGBT de forma natural, sem sentimentos de inferioridade. Pelo contrário, mostre-se superior e ultrapasse estas mentalidades. Seja feliz!

 

VN:F [1.9.22_1171]
Rating: 7.7/10 (26 votes cast)
Como lidar com o preconceito LGBT, 7.7 out of 10 based on 26 ratings

Acerca patricia

2 comentários

  1. Boa noite! Sou homem, 38 anos e atualmente venho vivendo no meu local de trabalho preconceito dos meus colegas. Não sou declarado abertamente gay, mas por ser solteiro, nem ter filhos e por não “fazer linha” do tipo sair com mulher, ou dizer que estou interessado em mulher, meus colegas tecem comentários maldosos a meu respeito. A verdade é que sou gay, mas não vejo necessidade de declarar para os outros minha preferencia sexual, quero que me respeitem pelo que sou, pela minha pessoa e profissionalismo, sem rótulos. Acho que a frase: sair do armário, é pejorativa, ninguem pede a um hetero assumir o que é, mas com um gay é diferente, ainda mais um gay masculino.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +5 (from 5 votes)
  2. Olá, meu nome é Eduardo, tenho 18 anos e ultimamente venho sofrendo preconceito em forma de comentários maldosos e olhares acusadores no conjunto onde moro. Eu não sou de dar muita pinta na rua, mas agora não sei mais quem sou. Estou extremamente afetado por conta disso, sentindo muito medo de sair na rua e ser humilhado, não tenho forças pra reagir a isso. Minha autoestima esta fragilizada a muito tempo, e agora então estou bem pior. Vou tentar ser mais forte, tentar superar, mas eu admito que não parece nada fácil.

    VA:F [1.9.22_1171]
    Rating: +3 (from 3 votes)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.